CDB do Banco Daycoval é um bom investimento?

Nos últimos anos pudemos perceber a maior conscientização de uma parcela da população brasileira e investimentos em LCI e CDB passaram a se tornar comuns para aqueles que desejavam rentabilidades mais elevadas do que a Poupança.

Entretanto, as recentes quedas na Taxa Selic ligaram o alerta de muitos investidores conservadores que viram as rentabilidades dos produtos de Renda Fixa em grandes bancos despencarem.

Como vivemos na era da internet e da informação, os investidores passaram a enxergar com bons olhos as aplicações financeiras em bancos de médio porte, pois as rentabilidades são muito mais atraentes do que nos bancos tradicionais.

Contudo, é importante analisar de forma cuidadosa as características e o histórico dos resultados do banco selecionado para aplicar o seu dinheiro.

Dentro deste contexto, a intenção deste artigo é analisar se o investimento em CDB do Banco Daycoval pode ser considerado uma boa alternativa mesmo em cenários de quedas na Taxa Selic.

banco_daycoval_cdb_logo oficial


O que é CDB?


Muitos investem em CDB, mas sequer entendem o significado desta aplicação financeira.

É importante ter conhecimento de que a sigla “CDB” significa “Certificado de Depósito Bancário” e, em termos práticos, representa um título de Renda Fixa emitido por um banco com rentabilidades e prazos acordados no momento da aplicação.

Traduzindo para uma linguagem de mais fácil entendimento, ao aplicar dinheiro no CDB do Banco Daycoval você estará emprestando o seu dinheiro para este banco e receberá futuramente este dinheiro acrescido de uma taxa de juros.


Valores para aplicação


O valor mínimo para aplicar no CDB do Banco Daycoval é de R$ 1.000 (mil reais).


Prazos


Existem várias opções de prazos para investimento no CDB do Banco Daycoval, mas lembramos que o período máximo é de 1.800 dias (5 anos).

O Daycoval oferece também CDB com liquidez diária, ou seja, você pode sacar o seu dinheiro a qualquer momento.

Portanto, os prazos de vencimento da sua aplicação podem variar de 1 a 1.800 dias.


Resgate


Caso você não escolha o CDB com liquidez diária, terá que aguardar o prazo de vencimento da aplicação para fazer o resgate.

Por exemplo, suponhamos que você invista R$ 5.000 no CDB e escolha o prazo de vencimento para 100 dias.

Neste caso, você precisará esperar exatamente os 100 dias para fazer o resgate do dinheiro acrescido dos juros do período.

Portanto, caso você tenha dúvidas se poderá aguardar prazos mais longos até receber o dinheiro de volta, aconselhamos escolher um prazo mais curto ou investir no CDB com liquidez diária.


Rentabilidades


O CDB do Banco Daycoval oferece tanto a possibilidade de investimentos pré-fixados quanto pós-fixados utilizando como indexador o CDI.

Ressaltamos que as rentabilidades oferecidas variam de acordo com o prazo de vencimento selecionado.

Fizemos uma consulta ao site do banco, em agosto de 2017, e encontramos as seguintes informações:

cdb banco daycoval rentabilidade

Obs.: Para atualização das taxas e prazos, sugerimos o acesso direto ao site do Banco Daycoval através do seguinte link: https://daycovalinveste.com.br/produtos/cdb

Nos chamou a atenção o CDB com liquidez diária e rentabilidade de 103% do CDI.

Monitoramos de perto o Banco Daycoval e já tínhamos percebido outras “ofertas” parecidas com esta, mas geralmente é sempre por um período curto.

Desta vez, o Daycoval informa que esta taxa de 103% do CDI para CDB com liquidez diária estará disponível até o final de agosto e exige uma aplicação mínima de R$ 30.000.

É uma boa oportunidade para ganhar remuneração um pouco mais elevada do que o Tesouro Selic com a flexibilidade de ter a mesma liquidez deste título público.

cdb banco daycoval 103% do CDI


Tributação


É importante ressaltar que todo investimento em CDB possui a incidência de dois impostos, a saber:

  • IOF (Imposto sobre Operações Financeiras): aplicável somente nos casos onde o resgate ocorre em prazo inferior a 30 dias.

 

  • IR (Imposto de Renda): aplicável em todos os casos, ou seja, não existe período mínimo de carência e todos os investidores em CDB sofrem esta taxação. A alíquota é regressiva com o tempo de acordo com a tabela abaixo:

Imposto de Renda CDB

O IOF e o IR são recolhidos na fonte, ou seja, o dinheiro que você recebe após o resgate já vem com todas as deduções e você não precisa se preocupar em gerar guias para fazer o pagamento destes impostos.

De forma mais simples, o pagamento destes impostos é feito automaticamente no momento do resgate do seu dinheiro e você não precisa tomar nenhuma ação para regularizar sua situação.

É importante frisar que as alíquotas destes impostos incidem somente sobre o lucro do seu investimento.

Obs.: Para consultar as alíquotas do IOF e demais informações sobre a tributação em CDB, sugerimos acesso à nossa seção sobre impostos.


Comparação com outros investimentos


Para sabermos se o CDB do Daycoval é realmente um bom investimento, acreditamos ser fundamental realizarmos uma comparação com outras aplicações de Renda Fixa.

Para isto, simularemos dois cenários, sendo o primeiro considerando a Taxa Selic vigente no início de agosto de 2017 e o segundo cenário considerando a Taxa Selic prevista para o final de 2017 pelo Boletim Focus.

A simulação será feita considerando o período de um ano (365 dias) e o investimento no CDB pós-fixado do Banco Daycoval, ou seja, rentabilidade de 105% do CDI.

Faremos as comparações com aplicações na Caderneta de Poupança, CDB do Banco do Brasil, CDB da Caixa Econômica Federal e Tesouro Direto (Tesouro Selic).

  • Primeiro cenário

Este cenário utilizará as taxas vigentes no momento da elaboração deste artigo (ago/17):

  • Taxa Selic: 9,25% a.a.
  • CDI: 9,14% a.a.

Rentabilidades das aplicações a serem comparadas:

  • CDB do Banco Daycoval: 105% do CDI
  • Caderneta de Poupança: 7,7% a.a.
  • CDB do Banco do Brasil: 82% do CDI
  • CDB da Caixa Econômica Federal: 86% do CDI
  • Tesouro Selic: 100% da Taxa Selic

Aplicando a Taxa Selic de 9,25% a.a. e o CDI de 9,14% a.a., teremos as seguintes rentabilidades líquidas em cada aplicação:

rentabilidade atual do cdb do daycoval

Obs.: Para encontrar a rentabilidade líquida do Tesouro Selic, foi descontado além do Imposto de Renda na alíquota de 17,5% a taxa de custódia paga para a Bovespa (B3) de 0,30% a.a. Nos demais investimentos em CDB foram descontados apenas a alíquota do IR e na Poupança não houve nenhum desconto.

Podemos perceber que para o atual cenário, o CDB do Daycoval é o melhor investimento dentre aqueles analisados.

A Poupança que foi um dos piores investimentos em 2015 e 2016 parece ter retomado força e ganha do Tesouro Selic neste cenário, certo?

Esta é uma situação momentânea e mostraremos no cenário seguinte como a expectativa do futuro da Poupança é ruim para 2018.

O destaque negativo fica por conta dos investimentos em CDBs dos grandes bancos que estão oferecendo taxas vergonhosas em seus produtos de Renda Fixa.

Para fazer a simulação deste cenário, fizemos uma varredura nas 3 corretoras independentes monitoradas por este blog, mas não encontramos nenhum CDB de banco de médio porte confiável remunerando acima de 105% do CDI para o período de 1 ano.

Na XP Investimentos encontramos taxas próximas, mas com necessidade de investimento mínimo inicial de R$ 5.000, ou seja, bem superior ao mínimo solicitado pelo Daycoval de R$ 1.000.

  • Segundo cenário

Este cenário utilizará as taxas previstas pelo mercado (Boletim Focus) para o final de 2017:

  • Taxa Selic: 8,00% a.a.
  • CDI: 7,85% a.a.

Portanto, este é um cenário que vem tirando o sono de muitos investidores da Renda Fixa e a principal pergunta é: com a Taxa Selic baixa, ainda será atrativo investir em LCI e/ou CDB?

É importante ter a noção de que se a Taxa Selic cair para valores abaixo de 8,50% a.a., a rentabilidade da Poupança é alterada e passa a ter a seguinte fórmula:

70% da Taxa Selic + TR

A TR ou “Taxa Referencial” provavelmente ficará próxima de 0% em um cenário de Taxa Selic abaixo de 8,50, mas iremos considerar que ela fique em 0,20% a.a. para sermos conservadores.

Sendo assim, a rentabilidade da Poupança neste cenário passaria a ser de:

70% de 8,00% + 0,20% = 5,8% a.a.

Percebam que este valor é bem inferior à atual rentabilidade de 7,7% a.a.

Após estas considerações, vamos novamente realizar a comparação das aplicações financeiras anteriores, alterando apenas a rentabilidade da famosa Caderneta de Poupança:

  • CDB do Banco Daycoval: 105% do CDI
  • Caderneta de Poupança: 5,8% a.a.
  • CDB do Banco do Brasil: 82% do CDI
  • CDB da Caixa Econômica Federal: 86% do CDI
  • Tesouro Selic: 100% da Taxa Selic

Aplicando a Taxa Selic de 8,00% a.a. e o CDI de 7,85% a.a., teremos as seguintes rentabilidades líquidas em cada investimento:

rentabilidade futura do cdb do daycoval

Sendo assim, é possível perceber que num cenário de Taxa Selic baixa o investimento no CDB do Banco Daycoval continua sendo uma boa alternativa.

O destaque negativo novamente vai para os investimentos nos grandes bancos que permanecem menos atrativos até do que a Caderneta de Poupança.


Se você conhece o guia onde detalhamos nossa estratégia de investimentos em Renda Fixa já foi apresentado ao Banco Daycoval e sabe como fazemos para maximizar nossos lucros e minimizar os riscos.


É seguro investir no Banco Daycoval?


O principal medo dos investidores em Renda Fixa é a falência do banco no qual ele realizou suas aplicações.

Entretanto, é importante ressaltar que os investimentos em CDB possuem um seguro grátis e automático chamado de “FGC” ou “Fundo Garantidor de Créditos”.

O limite máximo garantido pelo FGC é de R$ 250.000 e além de assegura o investimento inicial os rendimentos obtidos até a decretação da falência do banco também são cobertos por este fundo, desde que não ultrapassem o limite máximo de R$ 250.000.

Obs.1: O prazo médio para o início do pagamento do FGC após a falência do banco é de 3 meses. O histórico contendo todos os casos onde o FGC precisou socorrer investidores pode ser acessado aqui em nosso blog.

Obs.2: Se você ainda não conhece o funcionamento do FGC, te convidamos a ler nosso artigo completo sobre este seguro.

Apesar dos investimentos em CDB possuírem esta garantia do FGC, consideramos interessante analisar também a saúde financeira dos bancos para minimizar as chances de pedirmos socorro ao FGC.

Desta forma, apresentaremos a seguir o histórico dos resultados do Daycoval desde 2014, onde é possível verificar que nos últimos anos o banco sempre apresentou lucro:

lucro banco daycoval

Fonte: Banco Central.

Para os investidores que se interessam também por conhecer a classificação dada pelas agências de rating, trazemos as informações abaixo:

banco daycoval rating

Se você não está familiarizado com as notas das agências de rating, saiba que, basicamente, existem duas classificações: grau de investimento e grau especulativo.

Para te ajudar a entender, preparamos a figura abaixo onde é possível verificar todas as possíveis notas destas agências e constatar que as notas do Daycoval são de qualidade alta.

Portanto, este banco apresenta baixo risco de calote na visão das três maiores agências mundiais.

moodys-fitch-sp-rating-nota


Como investir no CDB do Banco Daycoval?


Para aplicar no CDB do Banco Daycoval é necessária a abertura de uma conta na plataforma de investimentos deste banco: Daycoval Investe (clique aqui para conhecer).

Além da possibilidade de abertura de conta no site deste banco, recentemente foi lançado o aplicativo “Daycoval Abre Conta”, facilitando ainda mais o procedimento para iniciar os investimentos no banco.

daycoval abre conta app

É importante ressaltar que a conta no Daycoval Investe é exclusiva para a realização de investimentos. Por isso, ela é isenta de tarifas, não possui taxa de corretagem e nem cobrança de custódia.


Considerações Finais


Aprendemos neste artigo as principais características do CDB do Banco Daycoval:

  • Investimento mínimo de R$ 1.000.
  • Prazo mínimo para resgate de 1 dia (liquidez diária) e máximo de 1.800 dias (5 anos).
  • Rentabilidades pré-fixadas ou pós-fixadas e atrelada ao CDI.
  • Garantia do FGC de até R$ 250.000.

Verificamos, também, que o investimento no CDB do Banco Daycoval apresenta-se como uma boa opção mesmo em um cenário de Taxa Selic em queda, diferentemente das aplicações em CDBs de grandes bancos como Caixa Econômica e Banco do Brasil.

Apresentamos o histórico dos resultados positivos deste banco e as notas dadas pelas principais agências de rating.

Portanto, esperamos que as informações apresentadas neste artigo tenham sido suficientes para você decidir se o CDB do Banco Daycoval é um bom investimento!

Se quiser informações sobre a LCI do Daycoval, acesse nosso artigo contendo uma análise específica desta modalidade de investimento no banco.


Caso tenha alguma experiência com esse banco, dúvidas ou elogios, basta deixar seu comentário aqui embaixo. Teremos o maior prazer em responder sua mensagem!

Se quiser receber gratuitamente as atualizações e novidades de nosso blog, digite seu e-mail abaixo. É fácil e rápido…

Investindo com inteligência e segurança

Insira o seu endereço de e-mail abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!>

2 Comentários


  1. Obrigado pela comparação. Voces consideraram o come-cotas do CDB, no calculo da rentabilidade? Sem considerá-lo, fica injusta a comparação com Tesouro SELIC.

    Responder

    1. Kendy, o investimento em CDB não possui “come-cotas”. Ou seja, a comparação com o Tesouro Direto foi realizada levando em consideração todos os descontos de ambos os investimentos justamente para haver “justiça” na simulação.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *