Bolsa fecha no vermelho com queda dos bancos, mas Cielo e Petrobras reduzem perdas

A queda do Ibovespa na última segunda-feira (15/6) foi puxada pelas ações dos bancos. Porém, a sessão não atingiu níveis mínimos devido à recuperação dos papéis da Vale e da Petrobras e também devido à forte subida das ações da Cielo – que fez acordo com o Facebook para realizar transações de transferência de dinheiro e compras por meio do WhatsApp, com a proteção da plataforma Facebook Pay.

O Ibovespa teve baixa de 0,45% e atingiu 92.375,52 pontos. O volume financeiro alcançou 42,7 bilhões de reais, valor ampliado pelo exercício de opções sobre ações e cotas de ETFs na primeira etapa da sessão, que movimentou 11,16 bilhões de reais.

Durante as primeiras horas do pregão, o Ibovespa recuou 2,85%, influenciado pelo temor de uma nova onda de contágio da covid-19, após relatos de novos casos na China.

Com Wall Street passando para o azul, a bolsa brasileira superou os 93 mil pontos na máxima, em alta de 0,3%. Mas, seguindo a queda da bolsa americana, acabou esfriando.

Segundo analistas, a escolha de Bruno Funchal para assumir a Secretaria do Tesouro no lugar de Mansueto Almeida, conforme anunciado pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, foi vista com bons olhos pelo mercado financeiro.

A substituição deve ocorrer até o final de julho.

Bancos caem; Cielo, Vale, Petrobras e Via Varejo em alta

Entre os destaques do pregão do dia 15 de junho de 2020, podemos citar as quedas das ações dos bancos: Itaú Unibanco PN (em 2,34%); Bradesco PN (em 2,22%); Banco do Brasil ON (em 0,94%) e  Santander Brasil (em 2,07%).

O Cielo On fechou em alta de 14% e chegou a atingir uma máxima de 34,7%. A Vale On, por sua vez, avançou 0,9%, beneficiada pela estabilidade do mercado do minério de ferro na China.

Petrobras PN e Petrobras ON subiram 0,49% e 0,38%, respectivamente.

Outro fechamento positivo foi da Via Varejo ON VVAR3.SA, dona das redes Ponto Frio e Casas Bahia, que acumulou alta de 6,69%.

Entre as quedas, a IRB Brasil RE caiu 9,92%, no terceiro pregão seguido no vermelho, e a Embraer ON perdeu 2,72%. 

Leia também:


Gostou da nossa matéria sobre os destaques do pregão do Ibovespa no dia 15 de junho?

Para ficar sempre atualizado com nossas notícias, siga nossas Redes Sociais: FacebookTwitter e Instagram.

Para relatar erros, clique aqui. Conteúdo publicado originalmente por bonsinvestimentos.com.br.

Revisão e edição: Cintia Salomão

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.