Os 10+ de setembro de 2018

Atualizamos a nossa seção “Os 10+ da Renda Fixa” com o mapeamento dos 10 melhores investimentos para setembro de 2018, na visão dos autores do blog “Bons Investimentos”.

investimentos-renda-fixa-setembro-2018

Obs.1: Mapeamento realizado em 03/set/18. Este levantamento não deve ser entendido como recomendação de compra, pois representa apenas a visão dos autores deste blog. Para atualizações e mais opções de investimentos, sugerimos o acesso direto aos sites das corretoras / bancos: SofisaDaycovalInter, Easynvest, XP Investimentos e Rico.

Obs.2: Além das taxas de rentabilidade, outros fatores foram levados em consideração neste mapeamento, como a “saúde financeira” das instituições. 


Para quem está em busca de investimentos rentáveis e seguros, preparamos um material contendo a nossa estratégia de investimento e detalhando toda a nossa carteira. Você saberá exatamente onde fazemos nossas aplicações visando maximizar os lucros e os mecanismos que utilizamos para minimizar os riscos.

Não perca a oportunidade e conheça o nosso guia!

investimentos seguros e rentáveis

Previsão de rentabilidade líquida anual


Foram adotadas as seguintes premissas:

  • Juros compostos.
  • CDI: +6,39% ao ano
  • IPCA: +4,29% ao ano (acumulado dos últimos 12 meses)

Obs.: Foram utilizados valores vigentes no início de setembro de 2018. Para consultar os valores atualizados e as previsões do CDI, SELIC e IPCA, acesse nossa seção específica sobre estes índices.

Esta previsão serve apenas como ordem de grandeza, pois, como visto no artigo sobre os investimentos em Renda Fixa, a verdadeira rentabilidade de títulos pós-fixados só é conhecida no momento do resgate do investimento.

Desempenho da poupança


Para fins comparativos, é bom saber também a rentabilidade da poupança, certo?

Com a queda da Taxa Selic para valores abaixo de 8,50%, a rentabilidade da poupança para depósitos feitos a partir de 04/05/12 muda de regra e passa a ser: 70% da Taxa Selic + TR.

Como a TR está em zero desde setembro de 2017 e a Taxa Selic está em 6,50%, estima-se uma rentabilidade líquida para os próximos 12 meses de 4,55%.

Obs.: Para os depósitos antigos em cadernetas de poupança, realizados antes de mai/12, a rentabilidade continua sendo de “0,50% ao mês + TR”.

Segurança é fundamental: lembre-se do FGC


Os investimentos em LCI, LCA e CDB possuem um seguro automático de até R$ 250.000, por CPF e instituição financeira.

Para conhecer ou relembrar as características deste seguro, recomendamos a leitura do nosso artigo específico sobre o FGC.

Obs.: Apesar dos títulos públicos (Tesouro Direto) não serem garantidos pelo FGC, estes investimentos são considerados os mais seguros do mercado, conforme explicado no guia sobre o Tesouro Direto.


A escolha por determinado investimento é algo muito particular e não depende exclusivamente da rentabilidade, pois fatores como liquidez (prazo em que você poderá resgatar o dinheiro) e valores mínimos de aplicação devem ser levados em consideração.


Como o nosso blog é gratuito, caso tenha gostado deste material, nosso pedido é o mesmo de sempre: ajude-nos na divulgação! 

É fácil e rápido, basta compartilhar no Facebook. 

Compartilhe:
Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Telegram

10 respostas

  1. Oi, tenho 45 mil para investir. Esse valor estava em um fundo de compromissada do itau e eu vinha usando para cobrir a conta (sem renda atualmente). Em que aplicação colocar nessas condições ?

    1. Olá, Victoria.

      Antes de começar a investir, o ideal é montar uma reserva de emergência que possa cobrir seus gastos por 3-6 meses.
      Para este objetivo, busque sempre ativos seguros e com liquidez diária.
      Depois de montar a reserva de emergência, uma boa opção é buscar ativos de bancos de médio porte com boa saúde financeira.

      Um abraço e bons investimentos!

    1. Olá, Guilherme.

      Não se trata apenas de rentabilidade.
      Entendemos que títulos pré-fixados muito longos representam risco adicional, já que a inflação no Brasil é imprevisível.
      Sendo assim, optamos por incluir o pré-fixado de 3 anos.

      Um abraço

  2. Boa tarde,

    Primeiro parabéns pelo site, estou iniciando nessa área de investimentos, ainda tenho muitas dúvidas. Uma coisa que me chamou a atenção foi o valor do IPCA: +4,29% ao ano (acumulado dos últimos 12 meses), no site do IBGE a última referência é de 4,48% para acumulado dos últimos 12 meses, como você chegou ao 4,29% ?

    Outra coisa, tenho esse o primeiro investimento da sua lista LCI IPCA + 5,47% (5 anos), quando eu for resgatar daqui a 5 anos, como é feito o cálculo de resgate ? Gostaria de montar uma planilha fazendo uma simulação para o resgate no final do período, alguma sugestão ? já que tenho apenas uma previsão de rentabilidade, existe alguma formula para tentar montar essa conta ? ou teria que criar vários cenários com uma rentabilidade fixa ?

    Muito obrigado.

    1. Olá, Roger.

      Muito obrigado pelos elogios.

      Quando fizemos o levantamento (03.09), o IPCA de agosto ainda não havia sido divulgado.
      Portanto, consideramos o índice como 0.
      Hoje, o IBGE divulgou o IPCA de agosto. O índice ficou em -0,09%. Praticamente zero.

      O cálculo para a LCI IPCA + 5,47% levará em conta a inflação acumulada no período mais a taxa pré-fixada de 5,47% aa.
      Como a inflação oscila ao longo dos meses, fica muito complicado simular a rentabilidade futura.

      Um grande abraço!

Faça um comentário

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS!

Publicidade